Basicamente podemos dividir o inversor em dois circuitos: Circuito principal (potência) e Circuito de controle.

Circuito principal (Potência)

Para alimentar o inversor é necessário ligar a fonte de alimentação trifásica nos bornes R/L1, S/L2 e T/L3. Jumpers são utilizados para alimentar o circuito de controle R1/L11 e S1/L21 como pode ser observado nas figuras a seguir:

Circuito de controle

No circuito de controle são cabeadas as entradas e as saídas analógicas e/ou digitais do inversor.