O CLP série Q pode ser programado de diversas formas de acordo com a conveniência do usuário. A seguir, são mostradas as principais:

Ladder (Simple Ladder)

A programação em ladder ou lógica de contatos é a mais comum e mais conhecida para dispositivos de controle industrial de máquinas e processos. É caracterizada pelo uso de simbologias em forma de contato como os circuitos elétricos no formato horizontal. Esse tipo de programação será o enfoque deste treinamento.

Lista de instruções

A lista de instruções é a linguagem nativa do CLP. Todas as lógicas realizadas em linguagem ladder precisam ser convertidas para lista de instruções.

Ao programar uma lógica no GX Works2, utiliza-se um processo chamado “compilação”, que é realizado automaticamente pelo software mediante um comando no software, interpretando o que foi desenhado

Outras formas de programação

Existem ainda outras três formas de programar o CLP série Q: em norma IEC-61131, com adição de Function Blocks ao ladder (FB) e adição de programação descritiva, em texto estruturado (ST) ou em SFC (Sequential Function Chart). em ladder e convertendo para o equivalente em lista de instruções.